Transição Socialista
   

França, EUA, China e Brasil

10.12.2018

França em chamas. O retorno da luta de classes aberta no coração do capitalismo europeu continental. A Comuna ressurge como bandeira! Enquanto isso, a burguesia estadunidense segue em sua aventura insana por acumulação. E, no Brasil, aguarda-se a explosão política, econômica e social…


05.11.2018

Procura-se um presidente

Mal foi eleito, Jair Bolsonaro já desapareceu. Esfumaçou. Primeiro foi Paulo Guedes, agora é Moro. Os figurões sombreiam o presidente, a ponto de se perguntar: quem mandará no país? E mais: ambos super-ministros discordam da maioria das maluquices de Bolsonaro.


30.10.2018

A vitória de Bolsonaro e o futuro do Brasil

O país passou por um grande delírio político, onde as posições dos bolsonaristas e dos petistas não coincidiam com a realidade. Ambos candidatos esconderam seu programa econômico siamês. O país, a despeito deles, caminha para o ingovernável.


27.10.2018

Voto nulo nos dois! Sem medo!

Declaração do Prof. Livre-Docente Hector Benoit (Unicamp) a favor do voto nulo nesta eleição.


11.10.2018

Sobre o voto popular em Bolsonaro e o suposto “fascismo”

Qual o significado do voto das massas em Bolsonaro? As massas são mesmo fascistas? Os trabalhadores são mesmo racistas, homofóbicos etc? O que é fascismo e o que é bonapartismo?

GALERIA


Pré-candidatura de Rafael Padial a deputado federal


Dossiê : Greve do Sintusp 2018


O Corneta apoia a RENOVAÇÃO do Sindicato dos Motoristas de SP! Vote chapa 3!


O Corneta entrevista Weller Gonçalves


02.05.2017

Maisvalia 3


01.05.2017

Maisvalia 2


O CORNETA

A voz da peãozada!

O Corneta nasceu em 1985 como boletim interno de uma fábrica metalúrgica da zona oeste de São Paulo, a Colúmbia. Nasceu na luta pela construção de uma comissão de fábrica, nasceu na luta que desembocou em julho daquele ano em uma greve com ocupação por cerca de um mês. De lá pra cá se passaram 31 anos e vamos adiante!

Últimas publicações


TERRITÓRIO LIVRE

Juventude da organização Transição Socialista

Cresce o desemprego, o custo de vida e a vontade de gritar BASTA! Nós do Território Livre defendemos que é possível sim mudar toda essa miséria. Nos organizamos, estudamos o que a escola e a universidade não nos ensinam, pensamos por nós mesmos. Apoiamos hoje a luta dos trabalhadores, porque mais tarde os trabalhadores seremos nós.

Últimas publicações