Transição Socialista
   

Pela libertação imediata de Rodney Álvarez da prisão chavista!

Texto enviado pela TS para a atividade pela libertação de Rodney Álvarez em frente à embaixada venezuelana na Argentina. A atividade foi convocada pelos companheiros da organização Razón y Revolución (Argentina). Nesta segunda, 10/02, ocorreu nova audiência do processo contra Rodney Álvarez. Diante disso, o companheiro iniciou, no final de semana passado, uma greve de fome.

RODNEY ÁLVAREZ É EXEMPLO PARA REVOLUCIONÁRIOS DO CONTINENTE! LIBERAÇÃO IMEDIATA DA PRISÃO CHAVISTA!

Companheiros, nós, da Transição Socialista (Brasil), saudamos esta importante atividade socialista e internacionalista!

Rodney Álvarez, operário da empresa Ferrominera do Orinoco, é um preso político da ditadura capitalista de Nicolás Maduro. Álvarez é falsamente acusado de ter assassinado o operário Renny Rojas. Na realidade, tal crime é obra de Héctor Maicán, militante do partido de Maduro, o PSUV. O verdadeiro “crime” de Rodney Álvarez, do ponto de vista da ditadura capitalista de Maduro, é a sua defesa das condições de vida da classe trabalhadora venezuelana. Rodney Álvarez é militante revolucionário, e, tendo em vista tirá-lo da luta, o falso crime lhe foi imputado.

Já se passaram mais de 8 anos desde sua prisão – tempo em que Álvarez não pôde mais ver seus familiares, seus filhos, sua mãe, seus companheiros de luta. Álvarez está submetido a condições sub-humanas em sua prisão, e não teve até o momento o direito a julgamento minimamente parcial. A justiça está totalmente subordinada aos ditames da ditadura capitalista chavista. Eis por que o companheiro se declarou em rebeldia e se recusa a participar do julgamento.

O silêncio da chamada “esquerda” socialista frente à prisão de Álvarez não é menos criminoso. Tal “esquerda” está sempre predisposta a capitular ao governo burguês de plantão. Preferencialmente se ele pinta a si mesmo de vermelho e esbraveja contra o “imperialismo yankee”. Tal esquerda é idealista, não materialista; para ela não importa a função social que o governo cumpre, mas o que ele fala de si mesmo. Não importa se na Venezuela seguem válidas as leis gerais da acumulação capitalista, a troca de mercadorias, o dinheiro, a extração de mais-valia, o capital, o Estado burguês. O que importa é que Trump, dizem, “não gosta” de Maduro! Como se Maduro e Trump não fossem funcionais um ao outro!

Essa esquerda comprova assim que só quer viver das migalhas que caem da mesa do Estado capitalista. Ela é uma vergonha para o socialismo. Um único Rodney Álvarez vale mais do que mil militantes dessa “esquerda”!

Companheiro Rodney Álvarez, força! Companheiro Rodney Álvarez, resista! Você é um exemplo para todos os revolucionários do nosso continente! Chegará o momento em que todo o seu sofrimento se virará contra os seus algozes!

Pela liberação imediata de Rodney Álvarez!
Pela derrubada do governo de Maduro!
Prisão aos representantes do Estado chavista!
Viva a luta internacional da classe trabalhadora!

Transição Socialista (Brasil)
08/02/2020