Transição Socialista
   

Queremos Temer de volta à prisão já!

Temer foi solto por Ivan Athié. Esse desembargador do TRF-2 ficou sete anos afastado do cargo, acusado de estelionato e formação de quadrilha. Agora, em 2017, tratando dos crimes do PT, MDB, PSDB na Lava-Jato, disse que propina é como gorjeta:

“Nós temos que começar a rever essas investigações. Agora, tudo é propina. Será que não é hora de admitirmos que parte desse dinheiro foi apenas uma gratificação, uma gorjeta? A palavra propina vem do espanhol. Significa gorjeta. Será que não passou de uma gratificação dada um servidor que nos serviu bem, como se paga a um garçom que nos atendeu bem? Essas investigações estão criminalizando a vida”

Será que esse desembargador esqueceu que está no Brasil, e não na Argentina, que fala português, e não espanhol, e que existe uma coisa chamada “falso cognato”? Independentemente disso, fica muito claro o que ele quis dizer (e comprovou em ação, ao soltar Temer): para ele, favorecimento privado ilícito faz parte do “bom funcionamento” da cidadania e do trabalho do Estado em nome “bem comum”!

Que cara de pau!

Mas até aí, nada de novo: esse é o pensamento dos altos escalões da justiça, que querem manter a ordem corrupta da burguesia. Por eles, Temer e Lula ficam em liberdade! Quanto mais alto o escalão da justiça, mais comprado pela burguesia.

Quem está comemorando agora? Além de Gilmar Mendes e a corja toda do judiciário, além dos corruptos do Congresso, também parte da chamada “esquerda” (bota aspas nisso!). O Haddad e o PT (que é de direita!) comemoraram, como era de se esperar, porque soltar Temer ajuda a soltar Lula. Mas também comemorou grande parte da “esquerda” que se diz radical, como Boulos e MTST, PSOL e suas luas (todos que, feito astros, giram em torno do verdadeiro Sol de seu sistema solar, o PT). Todos estes passaram o pano para Temer, criticando sua prisão, quando na verdade só queriam manter a ridícula campanha do “Lula Livre”!

Temer colocou o povo trabalhador na guilhotina ao aprovar a reforma trabalhista (proposta por Dilma). Em resposta, devemos pedir sua cabeça! A prisão de Temer é a melhor forma de paralisar a aprovação da reforma da previdência. A sua prisão na última semana gelou todo o Congresso e dividiu Rodrigo Maia de Bolsonaro. A esquerda que defende o “Temer Livre” (outra face do “Lula Livre”) está apoiando indiretamente (ou facilitando) a reforma da previdência.

Queremos presos todos os corruptos burgueses: Temer, Lula, Aécio e Dilma! Todos na cadeia! E a hora de Bolsonaro e sua famiglia miliciana também chegará!